Tag Archive | Lisboa

O Estado do Mundo. Estado de Sítio?

Cada vez que abro uma newsletter de algum dos jornais que tenho subscritas ou abro uma rede social para ver o que se passa com as pessoas à boa laia de voyeur, assusto-me.

Metade dos destaques da newsletter do Observador que acabei de receber fazem-me parar de respirar uns instantes enquanto uma boa parte de mim fica dormente com a loucura e a violência que assolam o mundo um pouco por toda a parte, todos os dias, cada vez mais.

Reféns numa igreja em França, degolações e sabe-se lá mais o quê. França tem sido um alvo preferido de situações de terrorismo e violência sem sentido neste ano insano que estamos a viver.

Logo atrás, especialmente nos últimos dias, a Alemanha tem vindo à ribalta em situações de violência, ataques sem sentido a cidadãos que apenas querem seguir com o seu quotidiano: tiroteio em Berlimbombista suicida em Ansbach e o caos instalado na vida das pessoas comuns.

A surpresa do dia para mim (mais que as outras, pois chega um ponto que começamos a ficar dessensibilizados a estas coisas no sentido de nos chocarmos – isto porque agora todo o bendito dia há pelo menos um), foi esta: tiroteio em centro comercial na Suécia. Quantas vezes nos chegam notícias destas dos países escandinavos? Once in a blue moon, como dizem os nossos amigos anglo-saxões. Pois a blue moon chegou lá, parece, às terras do Sol da Meia-Noite.

Não posso deixar de assinalar igualmente o sucedido na Somália, onde explosões se fizeram sentir na cidade capital. Treze mortos (pelo menos) na explosão junto ao aeroporto e um bombista suicida nas proximidades das instalações das Nações Unidas que tiraram a vida a pelo menos 10 pessoas.

Haverá vontade de viver num mundo assim? Constantemente em medo de quando será a nossa vez? Temos sorte, aqui no nosso Portugal, onde temos estado sossegadinhos. Mas até quando?
É urgente fazer-se algo. Mas mais do mesmo, será solução? Esta sociedade está podre e já não serve o seu propósito – é preciso uma enorme mudança de paradigma, mais humanista, mais uno, mais sincero e livre de subterfúgios… sei lá! É desesperante…vou ali enterrar a cabeça na areia, porque não quero mais ver isto, como a maioria das pessoas faz – e com esta atitude nada muda e só piorará. Mas também o que poderemos nós fazer? Já não sei, já não sei; vou ali ser criança, brincar com o Principezinho um bocadinho e os adultos idiotas que nos entregam um mundo destes que se amanhem.

(desculpem, é uma desesperança…nem sei que pensar!)

– Reencontro de Colegas –

É hoje que se realiza um jantar que sinto que será muito interessante… 10 anos depois de serem finalistas (eu fui um ano depois), alguns dos colegas de faculdade propuseram um jantar de reencontro. Um pouco no espírito das reuniões de “X” anos depois do Liceu que fazem na América (ou pelo menos nos filmes).

Estou muito curiosa em relação ao que irá acontecer neste jantar, como vão estar as pessoas depois deste tempo…se ainda há uma afinidade natural com as pessoas com quem a tínhamos quando fomos caloirinhos e durante o percurso académico que se seguiu. Se a maioria manteve contacto ou não, depois do fim daquela fase da vida.

Como fiquei retida no 2º ano, ao mesmo tempo que entrei para a Magna Tuna ApocalISCSPiana, perdi um pouco deste criar de laços que unem este grupo de pessoas – ao mesmo tempo que sendo uma pessoa terrível a manter contacto acabei por me afastar aos poucos, especialmente após o regresso ao Algarve. Mas o carinho por estas pessoas, com quem partilhei excelentes momentos, nunca se desvaneceu! (tanto as do curso, nas várias turmas em que estive; como as da Tuna, com quem também fui uma nódoa a manter contacto!)

Recentemente, retomei contacto com uma dessas pessoas: a Rita, do blog From Pemberley to Milton, sobre JAFF e North and South. Foi muito bom, tem sido maravilhoso sentir esta re-conexão com alguém com quem tinha criado tanta empatia há cerca de 14 anos (oh GOD! 14?!). Gostava de conseguir o mesmo com tantas pessoas que foram saindo lentamente da minha vida mas não da lembrança e estou entusiasmada com este jantar especialmente por isso!

Estando noutro ponto do meu ser e estar na vida, creio que me será muito mais fácil, em especial em comparação à miúda de 17 anos que aterrou no Alto da Ajuda sem saber muito bem o que era aquilo tudo e se seria o que queria, socializar hoje, mesmo com o meu jeito introvertido e preocupado com o que irão pensar sobre mim e etc. (introvertido sofre!)

Depois logo vos conto como foi (com fotos e tudo e tudo)!

 

Abreijos!

Pensado em coisas… | Thinking of stuff

Ando cansada do mundo. Deste paradigma que impulsiona a sociedade.
Não me faz sentido; não ressoa no meu sentir; não parece mais funcionar para a Humanidade.

Pensar nestas coisas angustia-me. Pensar no que nos aguarda nos dias vindouros, é um exercício intelectual que me assusta. Mas dou por mim, cada vez mais, a revisitar estes pensamentos e a re-sentir estas angústias e temores.

Será que podemos mudar alguma coisa? Como? Por onde começar?

Não sei. Não sei. Não sei. Mas há que tentar.

 

I have been feeling tired of the world. Of this paradigm that drives society.
It does not make sense to me; it does not find an echo within my feeling; it doesn’t seem to work for Humanity anymore.

 

Thinking about these things leaves me anguished. Thinking about wait awaits us in days to come, is an intelectual exercise that frightens me. But I find myself, ever more, reviting these thoughs and feeling these anguishes and fears once again.

Can we change anything? How? Where to start?

I don’t know. I don’t know. I don’t know. But we must try.

| Criacionismos|

Fazem-se os homens de anseios e valores
Sobre coisa nula de sentido
Senhores de tantos domínios imaginados.

Fazem-se os homens de cores e sentidos
Paladares de estímulos escondidos
Sacerdotes de navios inacabados.

Fazem-se os homens a si mesmos
Reinventando noções e nações
Sacrílegos pensadores empedernidos de crenças.

Fazem-se os homens maiores que a vida
Menores que o sonho emudecido de uma era
Sorteando contradições que suas são mas que renegam.

Fazem-se os homens e desfazem-se assim
Constructos mentais com resposta biológica
Façai-vos, homens, reinventai toda esta quimera.

Meu amor

Hoje vi-te.
O sol ganhou calor
a tristeza virou cor
e a minh’alma sorriu.
Meu coração correu
descompassado bateu
meu amor, meu amor.
Hoje vi-te.
As lágrimas fizeram sentido
as saudades ficaram comigo
a esperança cá dentro gritou.
Meus lábios quiseram beijar-te
meus braços, envolver-te
meu amor, meu amor.
Hoje vi-te.
O teu rosto de poema
as tuas mãos postas em cena
o sorriso sedutor.
Meu corpo tremia
minha boca dizia
meu amor, meu amor.
Hoje vi-te.
Foi como um renascer
da tua ausência doer
da perda e da mágoa sem fim.
Quis correr e agarrar-te
quis a viva voz chamar-te
meu amor. Meu amor!
21/05/2012

Painel: Reiki e a Lei da Atracção para uma Vida Feliz | Panel: Reiki and the Law of Attraction for a Happy Life

O último painel do dia trouxe-nos uma perspectiva interessante, baseada na reflexão e experiência da oradora, que encontrou paralelismos e ligações entre os Gokkai (cinco princípios do Reiki) e as regras da Lei da Atracção.
Realmente faz muito sentido o que foi exposto, pois ambos são aspectos da energia universal que podem ser trabalhados em conjunto para convidar a Felicidade para as nossas vidas.

Por fim, fomos convidados a fazer uma meditação em conjunto, guiados por esta oradora. Um partilha final, de comunhão e serenidade.
Foi uma tarde bem passada, recheada de emoções e aprendizagem, de partilha e debate. Obrigada a todos os participantes e à Associação Portuguesa de Reiki por nos terem proporcionado estes momentos!
!a

image


The last panel of the day brought us an interesting perspective, based on the experience and reflections of the speaker, who found some parallels and connections between the Gokkai (five principles of Reiki) and the rules of the Law of Attraction. It really makes much sense, since both are aspects of the universal energy that can be worked together to invite Happiness into our lives.

Lastly, we were invited to partake in a group meditation, guided by this speaker. A final sharing of energies, in communion and serenity.
It was a very good afternoon, filled with emotion and learning, sharing and dialogue. Thank you so much to all the participants and the Portuguese Reiki Association for having made these moments possible!

Painel: Como levar Reiki às Escolas e o Impacto nos Alunos | Panel: How to bring Reiki to schools and the impacto on the students

O painel seguinte trouxe-nos a apresentação de um projecto que tem decorrido na zona de Gaia.
Depois de apresentado o projecto de fazer Reiki aos alunos em várias escola, também para que fosse possível avaliar o efeito que receber Reiki poderia ter nestes e na vida escolar, uma escola acedeu a receber o projecto voluntário e indicou crianças que poderiam beneficiar do Reiki.
Além das crianças que usufruíram de sessões de Reiki, foi também dada à equipa a possibilidade de fazer formação em Reiki com alunos de uma turma vocacional.
Os próprios professores procuraram saber mais e os jovens reconheceram rapidamente os benefícios do Reiki para as suas vidas. Os resultados finais do projecto só serão conhecidos no final do ano lectivo, mas tudo indica que haverá lugar à continunidade do Reiki nesta escola e à criação de projectos semelhantes noutras escolas que já manifestaram interesse.
A aposta está em formar os professores em Reiki, para que possam ter mais essa ferramenta no seu trabalho diário com as nossas crianças e jovens, e igualmente instituir uma presença permanente de terapeutas de Reiki nas escolas, à semelhança do gabinete do Psicólogo e, preferencialmente, em sinergia com este.
Votos de muito sucesso, é um passo importante na mudança de paradigma na educação!
            

image


The next Panel brought us the presentation of a project happening in the Gaia area (Oporto region).
Having presented this project of giving Reiki to students to several schools, also with the objective of studying the effect that being given Reiki can have in them and their school life, one of the schools accepted this volunteer based initiative and indicated children that were thought to benefit from having Reiki given to them. Besides the students that benefited from Reiki sessions, the team was also given the opportunity to teach Reiki to a group of students from a class called ‘vocacional’.
Teachers reached out to know more and understand Reiki better and the students recognised the benefits of Reiki for their lives quite rapidly. The final data and results will only be known after the end of the school year, but there is a strong will to continue the project in this school and interest from other school for similar projects to happen in their premises.
The idea now, because volunteers are limited in number and schedule availability, is to give teachers Reiki training, so they have another tool for their daily work with the students and also to create a permanent presence if a Reiki therapist in schools, similarly to a Psychologist’s office and preferably working together with that professional.
Wishes of much success, this is a very important step in the paradigm shift in education

image

Sou terrível! | I am terrible!

Eu bem quis terminar os posts sobre as Jornadas de Terapeutas de Reiki ontem…mas o Domingo falou alto em duas frentes: preguiça e afazeres para a semana que se avizinhava!
Hoje fecho o ciclo…até uma próxima incursão no mundo do Reiki 🙂

I really wanted to finish my posts about the Reiki Therapists’ Encounter yesterday but… Sunday spoke louder in two fronts: lazyness and duties to prepare the week ahead!
Today I close the cicle…until a next incursion into the world of Reiki 🙂

image

Painel: Reiki para Animais | Panel: Reiki for Animals

A boa disposição da D. Olinda foi contagiante!
Foi patente o amor que tem aos animais e o trabalho que faz é sem dúvida um trabalho de amor.
Apresentou-nos vários casos diversos em que interviu com muito sucesso e, pessoalmente, fez-me querer praticar o Reiki com animais assim que tiver oportunidade!
Espero um dia poder conversar com a D. Olinda (que não consegui ontem) e participar no seu projecto, partilhar da sua alegria e aprender mais.
Marcada na memória fica a observação do quanto os animais são mais intuitivos e não tendo barreiras de racionalidade humana, a energia trabalha livremente e a sua acção fica à vista de todos muito rapidamente.

image


The cheer and good humor of Mrs. Olinda was contagious!
It was very obvious the love she has for animals and that this labour she does is a labour of love.
She presented us many diverse cases in which she was successful and, personally, made me want to practice Reiki with animals as soon as I have a chance!
I hope I can one day talk to Olinda (didn’t get the chance yesterday) and participate in her project, share in her joy and learn more and more.
To retain, in memory, the observation that animals are more intuitive and without the barriers of human rationality the energy flows freely and its action is visible to all quite rapidly.

image

Painel: Reiki e as Crianças | Panel: Reiki and Children

Este foi um painel muito emotivo, em que a interlocutora nos atingiu grandemente com a sua paixão pelo tema.
É urgente quebrar o paradigma da educação e a filosofia do Reiki poderá ser a bússola que guia este caminho.
Está a nascer desta paixão um projecto que ainda dará muito que falar!

image


This was a very emotional panel, where the speaker greatly hit us with her passion for this subject.
It is urgent to break the paradigm of education and the philosophy of ReiKi may be the compass that guides the way.
From this passion, a new project is being developed and with be the talk of town for sure!