Meu amor

Hoje vi-te.
O sol ganhou calor
a tristeza virou cor
e a minh’alma sorriu.
Meu coração correu
descompassado bateu
meu amor, meu amor.
Hoje vi-te.
As lágrimas fizeram sentido
as saudades ficaram comigo
a esperança cá dentro gritou.
Meus lábios quiseram beijar-te
meus braços, envolver-te
meu amor, meu amor.
Hoje vi-te.
O teu rosto de poema
as tuas mãos postas em cena
o sorriso sedutor.
Meu corpo tremia
minha boca dizia
meu amor, meu amor.
Hoje vi-te.
Foi como um renascer
da tua ausência doer
da perda e da mágoa sem fim.
Quis correr e agarrar-te
quis a viva voz chamar-te
meu amor. Meu amor!
21/05/2012
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s