Continuando pelas ruas da memória | Going down memory lane

Mais uma pérola da Antiguidade da minha escrita. Gosto bastante deste, apesar do tema mais obscuro. Creio que foi numa fase que tentava incluir a Morte no Ciclo da Vida de forma a aceitar as perdas passadas e as que viriam – e virão, certamente.

Another pearl of my writing’s Ancient Times. I quite like this one, even though the subject is darker. I believe I was at a stage in my life where I was trying to incorporate Death into the Cicle of Life, so I could accept past losses and those to come.

Styx

Bem-vindos à minha casa,
A casa daquele que morre
E renasce sem fim.
Bem-vindos ao domínio
Onde a Morte é Senhora,
Onde termina o suplício
E a paz intensa te devora.
Bem-vindos ao fim da existência,
Ao limbo, ao Styx…
Onde já nada é ausência,
Onde terminará de novo a vivência.
3 Maio 2008
Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s